Pronunciamentos

31/10/2014 - SOLIDARIEDADE AOS POLICIAIS PROCESSADOS

Fiz pronunciamento, nesta sexta-feira, na Assembleia, para prestar solidariedade aos 18 policiais militares que estão sendo processados, pelo Governo do Estado, por terem declarado voto em seus candidatos. O direito a livre manifestação do pensamento é previsto pela Constituição e um dos sustentáculos do sistema democrático de direito, e jamais pode ser cerceado sob qualquer pretexto.

Durante o pronunciamento, também repudiei a atitude do Governo que, de forma discricionária, só processou os que votaram em Capitão Wagner, para deputado estadual e Cabo Sabino, para deputado federal. Policiais partidários das candidaturas governistas não sofreram nenhuma sanção.

Os policiais processados são: são Cícero Nonato Sousa Passos, capitão PM; Francisco Everton de Farias Torres, capitão PM; Humberto Maia Costa Filho, capitão PM; Antônio Gesivaldo de Melo Andrade, capitão PM;
Jone de Castro Brasil, capitão PM; Dyego Galdino Barcelos, tenente PM; Aluísio Teixeira da Silva, tenente PM; Antônio Lincon Araújo Batista, tenente PM; Alano Timbó Magalhães Bezerra, tenente PM; Francisco Cavalcante de Paula, coronel PM, Eugênio Eduardo Costa Carneiro, tenente-coronel PM; Plauto Roberto Lima, major PM; Luiz Onofre do Nascimento Filho, major Corpo de Bombeiros; Homero Catunda Batista, major Corpo de Bombeiros; Francisco Gledson Barbosa Rodrigues, major do Corpo Bombeiros; Francisco de Sousa Oliveira Júnior, major Corpo de Bombeiros; José Silvio Girão Júnior, capitão Corpo de Bombeiros; e Alan Lúcio Andrade, capitão Corpo de Bombeiros.

Mais pronunciamentos

27/09/2017
22/09/2017
20/09/2017
13/09/2017
veja mais