Notícias

15/09/2015 - Direção do PSB será discutida ??com maturidade e sem mágoas? , diz Danilo Forte

Por Pedro Borges 

Os novos líderes do PSB no Ceará, o deputado federal Danilo Forte, filiado na última sexta­feira (11), e Heitor Férrer, ainda não filiado, vão se reunir na tarde desta segunda­feira (14) para discutir possíveis mudanças na direção do partido. De acordo com Danilo, o presidente estadual da legenda, Sérgio Novais, também participará do encontro, e o presidente do partido em Fortaleza, Roberto Pessoa, ainda será convidado para a reunião.

 Segundo Danilo Forte, haverá a proposição de “readaptação” da direção do PSB. “Nós vamos fazer uma avaliação desse novo quadro que surge no PSB no Ceará e vamos apresentar uma proposição de readaptação do quadro diretivo do partido no Estado com relação a esse novo momento e a partir de então nós vamos definir as mudanças necessárias para incorporar inclusive as novas lideranças que estão chegando ao partido”, disse.

“Vamos tratar do assunto com maturidade, sem mágoas, sem queixas, sem ressentimento, mas com foco no partido, para estruturá­lo para o pleito municipal de 2016″, acrescenta. Quando houve a sinalização sobre a ida de Forte para o PSB, o presidente nacional da legenda, Carlos Siqueira, chegou a dizer a imprensa que a diretoria estadual ficaria com o então peemedebista, fato não confirmado no ato de filiação.

Danilo informa que no encontro também será discutida a necessidade de unificação na legenda. “O partido não pode ter uma pluralidade de foco em candidatura”, aponta. A afirmação se dá no contexto em que o atual presidente estadual da sigla, Roberto Pessoa, alegou estar comprometido em apoiar o deputado Wagner Sousa (PR) na disputa pela prefeitura de Fortaleza em 2016. 

Sem citar Pessoa, Forte avaliou a situação como “constrangedora”. “Todos aqueles que se dispuserem a abraçar publicamente esse projeto, nós vamos tentar incorporar ao processo, aqueles que não, nem tem condições, e é até constrangedor uma pessoa estar apoiando uma candidatura de um partido, pensando e lutando por uma candidatura de outro partido”, destaca. Questionado pela reportagem se há possibilidade de não apoiar Heitor, Roberto Pessoa preferiu não declarar, no momento, quem irá apoiar para prefeitura de Fortaleza. 

Vereadores 

Sobre o diálogo com vereadores que pretendem migrar para o PSB, Danilo informa que três já o abordaram para conversar sobre o assunto. A expectativa é que com a sansão da chamada “janela partidária” um grupo de vereadores se desloque para a legenda.

“Eu tenho certeza que sancionada essa matéria alguns vereadores poderão vir para o partido já que há uma simpatia muito grande, não só pelo programa partidário mas pelo projeto de se construir uma candidatura viável com o nome do Heitor Férrer a frente da prefeitura de Fortaleza”.

Fonte: Diário do Nordeste 

Mais notícias

25/09/2017
22/09/2017
20/09/2017
13/09/2017
veja mais